Foto da capa

Foto da capa

- Grupo de Percussão do Conservatório de Tatuí estreia temporada dia 16 Abril

           Concerto faz viagem musical a diferentes países e homenagem ao Japão.

O Grupo de Percussão do Conservatório de Tatuí – uma instituição do Governo do Estado de São Paulo - faz estreia de temporada no sábado, 16 de abril, às 20h30, no Teatro Procópio Ferreira. A apresentação terá coordenação de Luis Marcos Caldana e faz o que ele chama de “viagem musical a diferentes países”, além de uma homenagem ao Japão.

          O programa deste concerto traz oito obras: Capricho Diabólico, Marcha, Roll of Rumba, Repercussion, Atenteben, Millennium, Abertura Japonesa e Geometrics. Segundo o coordenador Luis Marcos Caldana, a seleção das obras é uma “viagem musical à África, Estados Unidos, Brasil, Suíça e Japão”.

          A primeira obra a ser apresentada é “Capricho Diabólico”. A obra de Jared Spears traz melodias sobrepostas com agradável embasamento harmônico para o público. Em seguida, será apresentada “Marcha”, de Stanley Leonard, que, como o próprio nome diz, traz elementos típicos da marcha tradicional americana. O programa segue com “Roll of Rumba”, uma marcha que traz fragmentos de rumba extraídos das tribos africanas guiné, crioula e quimbundo – lugares de origem da rumba.

          A peça mais longa do programa é “Repercussion”, de Pierre Metral. A obra traz sete movimentos interligados entre si, sem pausas, abordando ritmos latinos mesclados com poemas clássicos. “Atenteben” é o nome da obra de Bob Becker, que homenageia um grupo de flautas de Gana. A peça procura exaltar basicamente uma dança muito famosa de Gana, a Ewedance (que engloba os ritmos Agbekor, Gahu e Kpanlogo).

          Com “Millenium”, do americano Chris Brooks, o grupo utilizará o maior número de instrumental da percussão, desde o trabalho da parte melódica com teclados, passando pelas peles e intercalando solos individuais.

          O Grupo de Percussão do Conservatório de Tatuí faz homenagem às vítimas da recente tragédia que assolou o Japão com a obra “Abertura Japonesa”. A peça foi composta pelo brasileiro Ney Rosauro, inspirado em uma “japonesa nordestina”, que saiu do Brasil e foi morar no Japão. A obra traz melodia baseada em uma cantiga japonesa chamada “Sakura, Sakura” (que na tradução significa “cerejeira”), misturada com música nordestina, utilizando o modo dórico.

          A última obra da noite é “Geometrics”, obra de autor desconhecido apresentada ao grupo por Frank Oddis em 2001. A obra é originalmente composta para nove instrumentos de percussão. Neste concerto, o grupo utilizará nove woodblocks, performance incrementada com efeitos de luz coloridas nas baquetas e, ao final, uma surpresa.

Grupo de Percussão do Conservatório de Tatuí

          Em atividade por mais de três décadas ininterruptas, é o mais antigo grupo do gênero no país, abrindo caminho a outros semelhantes em solo nacional. Criado em 1975, com objetivos de oferecer aos estudantes de níveis básico, intermediário e avançado da escola de música a oportunidade de executar peças específicas para grupos de percussão, algo raro no Brasil. Com isso, os instrumentistas passaram a ter aperfeiçoamento individual e a aprimorar a experiência de apresentação em grupo.
          Ao longo de sua história, já contou com mais de 200 percussionistas-integrantes, recebeu inúmeros solistas e realizou concertos importantes nos país diferentes pontos de São Paulo e de outros Estados brasileiros.

          Além de executar clássicos erudito e popular, o grupo estimula a composição de novas obras, incentiva a formação de público para os mais variados estilos e populariza a percussão agregando características performáticas e de dança.

          Em 2006, lançou o primeiro CD "30 Anos de História", com objetivos de agradar aos mais diferentes gostos, registrando não somente os grandes clássicos ou as festejadas obras contemporâneas. O trabalho traz um vasto repertório popular, enfatizando os ritmos brasileiros, sempre com alta qualidade técnica.

Grupo de Percussãodo Conservatório de Tatuí

Estreia de Temporada

Luis Marcos Caldana, coordenação

16 de abril – 20h30

Teatro Procópio Ferreira

Rua São Bento, 415

Ingressos: R$ 10 (R$ 5 idosos, estudantes e aposentados)

à venda das 15h às 19h na bilheteria do teatro ou

até as 21h30 do dia do evento

Informações: 15 3205-8444

Nenhum comentário:

Postar um comentário