Foto da capa

Foto da capa

- Natal na FEB, há 65 anos

Sirio Fröhlich é meu amigo, um colega de trabalho que considera-se apenas um pequeno reprodutor de histórias, mas para mim, é um grande historiador. Dele recebi o texto que abaixo publico nesta noite de natal, com a intenção de homenagear, relembrar e valorizar os feitos dos heróis Santa-marienses nesta data especial.

Natal na FEB

Santa Maria(RS) - Em 25 de dezembro de 1945, o último contingente de pracinhas da Força Expedicionária Brasileira (FEB) partiu da Estação Ferroviária de Santa Maria, com destino à Itália.

Integrante desse grupamento, Geraldo Antônio Sanfelice, hoje com 90 anos, recorda que foi um Natal diferente, longe da família e marcado pelo início da viagem para a II Guerra Mundial. Apesar do desconforto do trem, que não era apropriado para passageiros, o dia foi descontraído. Havia muito respeito entre todos, mas até os oficiais e sargentos brincavam e aceitavam brincadeiras.

O expedicionário Aribides Rodrigues Pereira chegou à Itália em outubro de 1944. Em 3 de novembro, seguiu para o front, integrando a Bateria de Comando da Artilharia Divisionária da FEB. Aos 89 anos, lembra que passou aquele Natal numa cidadezinha nas proximidades de Porreta. A neve impusera uma pausa na tentativa de expulsar as tropas alemãs do Monte Castelo. Segundo ele, aquele Natal marcou sua vida, pois, ao invés do calor do Brasil, estava na neve. “No almoço, foi servido carne de cordeiro, especialmente comprado dos italianos para marcar aquela data especial”, conclui.

Por Sirio Fröhlich

- Talento da Ucrânia

Kseniya Simonova é uma garota ucraniana, que acaba de ganhar o concurso Talentos da Ucrânia.

A jovem utiliza uma grande caixa iluminada, música dramática, a imaginação e sua habilidade de 'pintar' com areia para interpretar a invasão e ocupação do seu país de 1941-1945.

Ela conta uma história completa apenas movimentando a areia na mesa, usando somente suas mãos para criar estas imagens...

Assista, é simplesmente espetacular!!

- Morre Major Elza

Elza_Medeiros Elza Cansanção Medeiros, ou Major Elza como preferia ser chamada, foi uma militar brasileira. Nascida em 1921, faleceu em 08 de dezembro de 2009.

Filha do médico sanitarista Tadeu de Araújo Medeiros, amigo de Alberto Santos Dumont e auxiliar direto de Oswaldo Cruz na campanha contra a febre amarela, foi a primeira brasileira a se apresentar como voluntária, na Diretoria de Saúde do Exército, para lutar na Segunda Guerra Mundial, aos dezenove anos de idade. Embora sonhasse em lutar na linha de frente, teve que se conformar em seguir como uma das setenta e três Enfermeiras no Destacamento Precursor de Saúde da Força Expedicionária Brasileira, uma vez que o Exército Brasileiro, à época, não aceitava mulheres combatentes.

Com os pais, alagoanos, aprendeu a atirar, ainda na adolescência. Com as governantas alemãs que serviram a sua família na Copacabana da década de 1930, aprendeu Música e idiomas. Por indicação de Arnon de Mello, pai do presidente Fernando Collor de Mello, ingressou na Associação Brasileira de Imprensa. Estreou, com Fernando Torres, Nathalia Timberg, SErgop Brito no Teatro Universitário, com a peça Dama da Madrugada. Formou-se na Escola de Enfermeiras na Cruz Vermelha. Formou-se em Jornalismo pela Faculdade Nacional de Filosofia

elza2 Durante o conflito, trabalhou nos hospitais de evacuação na Itália, distante do front, em turnos de doze horas, nenhum soldado tendo falecido em seus braços. Atuou como Oficial de Ligação e Enfermeira-chefe no 7th. station Hospital, em Livorno. Com o fim do conflito, foi dispensada logo após o retorno ao país, vindo a trabalhar no Banco do Brasil.

Em 1957, as mulheres foram reconvocadas, podendo vir a ser militares de carreira. Dona Elza retornou prontamente, continuando a trabalhar como Enfermeira. Mesmo tendo trabalhado no Serviço Nacional de Informações (SNI), jamais pensou em abandonar a carreira militar.

Formou-se em Jornalismo, História das Américas, Psicologia, Parapsicologia, Turismo e Relações Humanas. Com conhecimentos de mecânica, escultura, pintura e tapeçaria, deu a volta ao mundo duas vezes, esteve na Antártida, aprendeu a pilotar ultraleves aos sessenta anos de idade.

Fundou e dirigiu duas revistas e assinou várias colunas em jornais do Rio de Janeiro e de Recife, tendo escrito três livros sobre a sua participação na Segunda Guerra. Apresentou ainda inúmeros trabalhos em congressos de medicina militar, com especial destaque para as Sugestões para a criação de um Corpo Auxiliar Feminino para as Forças Armadas, base para a abertura das Forças Armadas do Brasil à participação das mulheres.

Membro da Academia Alagoana de Cultura, atualmente, dedica-se à preservação da memória fotográfica da FEB.

MajorElza_fotocor É a mulher mais condecorada do Brasil, com mais de 200 medalhas, entre as quais:

  • Medalha de Guerra
  • Medalha de Campanha
  • Ordem do Mérito Militar
  • Medalha Mérito Tamandaré
  • Medalha Mérito Santos Dumont
  • Medalha Heróis do Brasil - Durante o XVIII Encontro Nacional de Veteranos em São Bernardo do Campo

A sua história foi contada, no cinema, no longa-metragem A Cobra Fumou de Vinícius Reis.

Fonte : http://pt.wikipedia.org

 

- Coral Allan Kardec

Recebi do amigo Matheus, regente do Coral Allan Kardec do 
Instituto Espírita Leocádio José Corrêa.
Um convite que vale apena prestigiar.
Anote na agenda: 15/12/2009 às 20h
Local: Hospital de Caridade de Santa Maria-RS


- Honda VARADERO 1000

Sueñas con viajar a lejanas tierras? ¿Te atraen las vistas que se ofrecen lejos del asfalto? Bienvenido al excitante mundo de la Varadero, una gran Adventure Tourer que está especialmente construida para ir a donde quiera que tus sueños te dirijan. Con unas grandes y cómodas proporciones y una excelente protección contra el viento gracias a su envolvente carenado, la Varadero cubre las distancias largas y las cortas con una facilidad gratificante.

- Carro Voador

Recebi do amigo Anibaldo e posto aqui dois vídeos sobre esta invenção, lançada nos Estados Unidos, como o primeiro carro-avião do mundo.

Carro Voador, já esta a venda, e 30 segundos é o tempo que se leva para a conversão de auto para avião.

No segundo vídeo já mostra um projeto do triciclo voador.

Outras informações no link: http://www.avweb.com/

 

- Recital Orientado de Canto

Daniele Pendeza, minha amiga e colega, convida a todos para o seu recital de meio de curso, que acontecerá no Anfiteatro Caixa Preta - Centro de Artes e Letras no prédio 40 da UFSM/Santa Maria-RS, no dia 09 Dezembro de 2009, às 20h30min! Entrada franca.

CartazRecitalDani